Um vazamento químico de substância volátil causou transtornos e a interrupção da produção na empresa Lear, localizada no Parque de Fornecedores do Polo Automotivo Jeep, em Goiana, na manhã de ontem (24). Na ocasião 37 funcionários precisaram de atendimento médico.

Segundo a empresa, o incidente ocorreu às 6h40, durante o processo de troca de turnos, e cerca de 500 funcionários estavam lá, na hora do vazamento. Do total, 37 apresentaram sintomas posteriores, como agitação nas vias aéreas superiores, e receberam atendimento médico no ambulatório da empresa.

A produção foi normalizada às 11h segundo a empresa, após a inspeção do corpo de Bombeiros, e nenhum funcionário precisou ser encaminhado para hospital. A Lear Corporation fornece assentos e sistemas elétricos automotivos para o Polo da Jeep.