A Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) e a Fundação Roberto Marinho assinaram, nesta terça (6), um convênio que regula a retransmissão de conteúdos do Canal Futura pela TV Alepe (disponível no canal aberto digital 28.2). Firmado durante a Reunião Plenária, o contrato de licenciamento, válido por três anos, abrange telejornais, programas educativos, esportivos, culturais e filmes, entre outros, hoje veiculados pelo Futura em serviços de TV por assinatura.

Além disso, o acordo prevê ações de mobilização em conjunto em escolas e na comunidade local. Permite também que a equipe da TV Alepe receba capacitação e participe do projeto anual de rede da Fundação Roberto Marinho, produzindo programas e outros conteúdos para exibição em rede nacional pelo Canal Futura. Depois do prazo estipulado, o contrato poderá ser prorrogado automaticamente pelo mesmo período.

Presidente da Alepe, o deputado Eriberto Medeiros (PP) afirmou que o contrato é uma oportunidade de valorizar produções que estimulam a educação, o empreendedorismo e a cultura do País. “Esta é uma parceria não onerosa, ou seja, não vai ter custo algum para a Assembleia Legislativa nem para o povo pernambucano. Só trará lucro e aprendizado”, expressou.

Representante da Fundação Roberto Marinho e mobilizadora do Canal Futura, Cinthia Sarinho elencou projetos desenvolvidos em diferentes regiões no Estado junto com instituições como a Secretaria Estadual de Educação, o Unicef e organizações não governamentais. “A programação do Futura é produzida a muitas mãos, garantindo diferentes sotaques, conteúdos variados e de todos os lugares. É nessa perspectiva que essa nova parceria vem a ser consolidada”, disse.

Para o diretor nacional de programação do Canal Futura, Acácio Jacinto, o convênio vai ajudar a população, principalmente os jovens, a entender o funcionamento do Poder Legislativo, acompanhando a atuação dos representantes que elege. “O Futura tem conteúdos sobre educação, meio ambiente, direitos humanos e outros temas variados, que terão um colorido de Pernambuco”, agregou.

Na mesma linha, o superintendente de Comunicação da Alepe, Ricardo Costa, assinalou que a veiculação do conteúdo próprio da TV Alepe pelo Canal Futura vai dar projeção às manifestações culturais e artísticas do povo pernambucano. “A parceria vai ampliar ainda mais a função do nosso canal, que é levar educação e informação, com um conteúdo competente”, pontuou. “O Futura é um importante meio de comunicação nacional, com programas dirigidos à juventude e a todas as categorias da sociedade. Faremos bom uso da programação disponibilizada.”

Com informações da Assessoria